General Villas Bôas ameaça começar uma intervenção militar às vésperas do julgamento do habeas do Lula - Saiba Já! Jornal Online

Publicidade


Post Top Ad

General Villas Bôas ameaça começar uma intervenção militar às vésperas do julgamento do habeas do Lula

Share This
O General-comandante do Exército  fez uma declaração que repercutiu no mundo todo, feita nesta terça-feira, 3, às vésperas do julgamento do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. ele dizze que “se mantém atento às suas missões institucionais".
Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do País e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais?
Asseguro à Nação que o Exército Brasileiro julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade e de respeito à Constituição, à paz social e à Democracia, bem como se mantém atento às suas missões institucionais.

O general José Luiz Dias Freitas, Comandante Militar do Oeste, afirmou que o comandante do Exército “mais uma vez” expressa “preocupações e anseios dos cidadãos brasileiros que vestem fardas”. O General Antonio Miotto, do Comando Militar do Sul, respondeu Freitas e declarou estar firme e leal a Villas Bôas, “na mesma trincheira”. “Brasil acima de tudo!!! Aço!!!”, disse.

O general de Brigada Cristiano Pinto Sampaio citou Gustavo Barroso: “Todos nós passamos. O Brasil fica. Todos nós desaparecemos. O Brasil fica. O Brasil é eterno. E o Exército deve ser o guardião vigilante da eternidade do Brasil”. Depois, ele ainda acrescentou que está “sempre pronto”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Pages